domingo, 23 de novembro de 2014

Que haja poesia para alcançar o fim do dia.

José Maria Rodríguez Madoz (Madrid, 1958), também conhecido apenas como Chema Madoz, é neste momento é um dos mais importantes e marcantes fotógrafos Surrealistas mundiais. Graduou-se em Fotografia pelo Centro de Essência da Imagem da Universidade de Madrid, realizando sua primeira individual em 1985.
O estilo simples e claro de sua fotografia, sempre em preto e branco ou sépia, destaca ainda mais este deslocamento que modifica a forma como que o espectador encara estes objetos, corriqueiros se analisados separadamente, mas que ganham uma nova dimensão na forma em que estão aplicados.
Fonte: Wikipedia



Sem comentários:

Enviar um comentário